Distrito 9

Todo mundo parece concordar com a afirmação de que Distrito 9 é uma grande metáfora sobre o apartheid da África do Sul – e não sou eu quem vou desmentir. O que eu achei interessante mesmo é como conseguiram misturar isso com uma ficção científica muito bem trabalhada e cenas de ação de arrebentar.

Na trama, a África do Sul começa a servir de abrigo para uma raça alienígena (chamados de “camarões”) quando a nave deles tem um problema. Os ets são inicialmente isolados numa área chamada de Distrito Nove, que em pouco tempo se torna uma enorme favela. 20 anos depois, o órgão mundial responsável pela manutenção dos ets na Terra, chefiado por Wikus van der Merse, inicia uma operação de deslocamento para outra área, até que acontece uma coisa realmente complicada. Continua...