Orkut

É engraçado como a gente se importa com o orkut – e preocupante, ao mesmo tempo. O que devia ser só um mecanismo de mandar mensagens para os amigos e discutir bobagens virou uma espécie de identidade. Isso explica porque estamos sempre nos preocupando em colocar uma foto bonita e criar um profile inteligente, que na verdade são só uma pose bem escolhida e uma frase arrancada de alguma música ou poema que não tem sentido fora do contexto. O orkut é um grande indício de que a interação homem-internet está começando a passar do limite, a ponto de criar novas versões para cada um – e a resposta para aquele "quem sou eu" tomando o lugar da boa e velha personalidade. Não sei quanto a vocês, mas eu aindo prefiro quem é mais legal ao vivo do que quem tem 80% de confiável.


Um comentário:

Strange Little Girl disse...

No orkut todo mundo tenta mostrar o melhor de si! Você tem que colocar foto de cada amigo, pedir depoimentos e receber recados para mostrar ao mundo que você tem uma vida social. Eu não sou tão paranóica assim. Coloco as comunidades que explicam minha personalidade e interesses e escrevo o que está tomando conta da minha mente naquele momento no "quem sou eu". Deve ser por isso que eu quase nunca recebo convites de desconhecidos, hehehe! É claro que a gente sempre dá uma pequena omitida nos defeitos, mas detesto quem mente deliberadamente. O problema é que querendo ou não as pessoas passam uma imagem errada de si mesmas. No orkut todo mundo é feliz, todo mundo tem amigos, todo mundo é amado. Isso deixa qualquer um deprimido.. hehehe.

Beijos